Isolamento em Segurança

O atual contexto de pandemia obrigou a um maior isolamento social e restrição de contatos, tornando mais difícil às vítimas de violência doméstica pedir ajuda. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), o número de casos de violência no seio familiar aumentou até 60% durante o confinamento.

Peça ajuda!
Caso conheça ou vivencie situações de violência doméstica, tenha à mão os números de apoio, memorize no telemóvel ou, se tal não for seguro, tente decorar:
Linha de informação CIG – 800 202 148

Linha Regional Contra a Violência Doméstica - 800 27 28 29
Pólo Local de Prevenção e Combate à Violência Doméstica da Ilha do Pico - 910 539 459
Linha da APAV - 16 006
SOS Criança - 116 111
Linha de Emergência Nacional – 112

Linha SMS - 3060